Resenha: O Castelo nos Pirineus

terça-feira, 2 de abril de 2013



Há algum tempo, postei no blog um texto chamado Do Romance da Ciência e da Filosofia, contando brevemente sobre a história de amor de duas pessoas que personificavam essas matérias. Qual minha surpresa, meses depois, de ter encontrado "meus personagens" retratados por Josteein Gardeer na 58ª Feira do Livro de Porto Alegre? Bem, o livro em questão é O Castelo nos Pirineus e, como o prometido, resenhei para vocês.


O Castelo nos Pirineus conta a história de Solrun e Stein, um antigo casal de estudantes que se encontram após trinta anos e resolvem trocar e-mails, relembrando os acontecimentos do passado e a vida que cada um levou depois disso. Para entender os motivos que levaram Solrunn e Stein, tão apaixonados outrora, a se separarem, é essencial compreender a concepção de cada um a respeito da vida, da morte, da consciência e até mesmo da origem do universo, de modo que o livro propõe um debate sobre esses temas apresentando teorias metafísicas e materialistas. Solrun é muito religiosa, acredita na alma e em uma vida após essa, e Stein é cético, procura sempre viver o presente e dispensa automaticamente a ideia de algo sobrenatural.

O livro apresenta uma proposta bem interessante e ficamos curiosos do porquê de duas almas tão conectadas, resolveram se separar. Infelizmente, essa proposta é apenas pretexto para um extenso debate filosófico, que por mais interessante que seja, acaba se tornando um pouco artificial. Essa artificialidade é de certa forma desfeita no final do livro, pois entendemos que um acontecimento muito grave envolve os diferentes paradigmas dos personagens, mas tratando-se de um amor que foi tão forte, é um tanto inacreditável que as conversas sejam todas sobre a origem do universo, existência de alma, etc. etc. Quer dizer, você retoma o contato com a pessoa que você amou há trinta anos e ainda usa uma linguagem técnica e argumentos bem embasados para discutir filosofia?! Sabemos que é um livro com esse intuito - nos aproximar da filosofia -, mas o autor conseguiu fazer isso com maestria muitas vezes e sem prejudicar a história.


O ponto alto do livro é trazer uma reflexão filosófica bem embasada - apesar de ser estranho ela estar presente em troca de e-mails - e também, nos aproximar de um casal verdadeiramente bonito, que se completa e gosta de estar junto: isso sempre nos faz acreditar um pouco mais no amor. O problema é que esse casal em questão é muito chato. Solrun fica o livro inteiro incomodando o Stein para saber no que ele acredita e Stein fica dando quinhentas explicações como quem banca o inteligente. Além disso, lidamos com a frustração desse casal chato e apaixonado ter se separado, e ainda ficamos intrigados porque pouco se fala da atual família de cada um no livro.

Com uma narrativa peculiar por troca de e-mails, deliciosa descrição nas paisagens e debate interessante, O Castelo nos Pirineus constitui uma leitura rápida e que podia ser agradável, mas que se perde pela monotonia das passagens e caráter essencialmente didático em um diálogo que devia ter mais sentimento do que informação. Jostein Gaarder cumpre magnificamente seu objetivo ao nos propor uma reflexão sobre o universo e sobre nós mesmos, mas não foi dessa vez que ele me deixou novamente encantada com sua literatura.

Postagens relacionadas

12 comentários

  1. Ainda não conhecia esse livro, ix, você não gostou dele? (Confesso que ele não me atraiu muito)

    Ah, eu te citei num post: http://cloudl4nd.blogspot.com.br/2013/04/alguns-devaneios-e-reflexoes.html
    E eu pensei em nos adicionar no facebook ~em baixo da minha foto do blog tem~, pois eu gosto muito do seu blog, e te considero até uma amiga blogueira!

    xoxo

    ResponderExcluir
  2. Nossa amei seu blog O LAYOUT É INCRÍVEL estarei sempre por aqui se me segue me avisa que sigo de volta

    BLOG:http://charmantye.blogspot.com.br/

    FANPAGE:https://www.facebook.com/Charmosa.cleidianesouza?ref=hl

    YOUTUBE: http://www.youtube.com/watch?v=3CEzhIkmWew&feature=youtu.be

    ResponderExcluir
  3. Que graça sua resenha!
    Fiquei com vontade de ler o livro (:
    Beijos, sucesso!
    http://pandainvertido.com

    ResponderExcluir
  4. Adorei a resenha!!! Nunca li na verdade

    Tá rolando um sorteio lá no blog, confere lá depois! shelikesrockn-roll.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Ótima resenha, flor.
    O livro parece ser bem legal. Vou dar uma procurada.
    Beijos <3

    ResponderExcluir
  6. Os livros me atraem por suas capas, mas esse não me atrai ;s
    mas a resenha me parece boa até!
    Beijos, Louca Indecisão <3

    ResponderExcluir
  7. fiquei com vontade de ler, adorei a resenha.
    vou colocar na minha lista, no momento estou lendo uma serie e não quero interromper kk
    seguindo.
    beijos.
    http://atras-dos-sonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Nunca li o livro, mas pela sua resenha ele parece sem muito bom!

    ResponderExcluir
  9. Nunca li , mas adorei a sua resenha e me deixou com gostinho de querer ler !
    Já estou seguindo.Beijoos

    debatomborrado.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Aaaah... que super ótimo! Comecei a ler esse livro há um tempinho, porque ele é leve e por isso é fácil de carregar por aí. Em casa, costumo ler os maiores.. :P

    E não tinha conhecido ninguém que tivesse lido pra falar o que achou! E vim aqui hoje (atrasada, acabei de ver que o post é do dia 2 :P) e me deparo com a resenha dele! :D

    Ainda estou no começo.. mas, gosto da forma como as coisas estão indo. Não sei se me sinto mais incomodada com a Solrun ficar afirmando as coisas fantásticas o tempo todo ou se com o Stein dizendo que não aconteceram! Hhahah
    Mas realmente desde o comecinho a gente percebe a profunda ligação que une os dois.

    Quando terminar de ler eu volto pra dizer se fiquei com a mesma impressão que você ou não. Por enquanto ainda não ficou cansativo! :)

    ;**

    ResponderExcluir
  11. Não conhecia esse livro, parece ser legal!

    www.Garotadeestilo.tk

    ResponderExcluir
  12. eu curto muito resenhas porque assim podemos conhecer a opinião de outras pessoas sobre os livros e saber se vamos querer ler ou não
    beijos, Carol ♥
    nove-e-dezesseis.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Comente com o Facebook:

Newsletter

Inscreva-se na newsletter do bloguinho! ♥
* indicates required



Projetos do blog



I'll follow the Sun